Nosso Blog é melhor visualizado no navegador Mozilla Firefox.

Pesquisar este blog

Carregando...

Total de visualizações de página

Google+ Followers

Perfil

Rio de Janeiro, RJ, Brazil
Cláudia Andréa Prata Ferreira é Professora Doutora - Categoria: Associado III - do Setor de Língua e Literatura Hebraicas do Departamento de Letras Orientais e Eslavas da Faculdade de Letras da UFRJ.

Translate

Seguidores

sábado, 3 de maio de 2008

A tradição interpretativa de rabinos e cabalistas, a crítica literária e a tradução


BIOGRAFIA RESUMIDA (OLIVEIRA, Maria Clara Castelhões de)

  • Professora-adjunto do Departamento de Letras Estrangeiras Modernas da Universidade Federal de Juiz Fora (UFJF), do qual foi chefe, entre abril de 1994 e março de 1996, e do Programa de Pós-Graduação em Letras - Mestrado em Teoria da Literatura, da mesma universidade.
  • Coordenadora do Programa de Pós-Graduação em Letras da UFJF, desde julho de 2004.
  • Affiliate research student da University College London (UCL), na Inglaterra, durante o ano de 1997, tendo trabalhado sob a supervisão do Professor Michael John Worton.

CURRÍCULO RESUMIDO (OLIVEIRA, Maria Clara Castelhões de)

  • Doutora em Letras: Estudos Literários, pela Universidade Federal de Minas Gerais, tendo obtido o título em 2000, ao defender a tese intitulada “O Pensamento Tradutório Judaico: Franz Rosenzweig em Diálogo com Benjamin, Derrida e Haroldo de Campos”, realizada sob orientação de Else Ribeiro Pires Vieira. Bolsista da Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES).
  • Mestre em Letras: Teoria da Literatura, pela Universidade Federal de Juiz de Fora, tendo obtido o título em 1993, com a dissertação intitulada “O Leitor e a Decodificação Textual Paródica no Século XX”, realizada sob a orientação de Nancy Campi de Castro.
  • Especialista em Inglês: Tradução, pela Universidade de São Paulo, tendo realizado o curso em 1983 e 1984.
  • Graduada em Letras: Licenciatura em Português e Inglês e suas respectivas literaturas, pela Universidade Federal de Juiz de Fora, em 1980.

Nenhum comentário: