Nosso Blog é melhor visualizado no navegador Mozilla Firefox.

Pesquisar este blog

Carregando...

Total de visualizações de página

Google+ Followers

Perfil

Rio de Janeiro, RJ, Brazil
Cláudia Andréa Prata Ferreira é Professora Doutora - Categoria: Associado III - do Setor de Língua e Literatura Hebraicas do Departamento de Letras Orientais e Eslavas da Faculdade de Letras da UFRJ.

Translate

Seguidores

quinta-feira, 31 de julho de 2008

O Pacto da Memória: Interpretação e Identidade na Fonte Bíblica (Cláudia Andréa Prata Ferreira)

FERREIRA, Cláudia Andréa Prata. O pacto da memória: interpretação e identidade na fonte bíblica. Revista Mirabilia - Revista Eletrônica de História Antiga e Medieval - ISSN 1676-5818. Revista Mirabilia 3 - dezembro de 2003 - Artigo 4 - 13 páginas.
Resumo:
Interpretação das fontes bíblica e talmúdica na Tradição Judaica. Compreendemos os textos bíblico e talmúdico como sendo um projeto de construção da memória. Essa memória, construída literariamente a partir de uma tradição oral e escrita, evidencia uma relação singular entre o humano e o divino e procura legitimar em seu discurso a idéia de uma Religião e Tradição do Livro. Essa memória constitui, então, o elemento essencial no projeto de construção da identidade individual ou coletiva do Povo do Livro (em hebraico, Am Ha'Sefer). Estabelecemos a relação memória e religião tendo como elemento central a palavra hebraica zikaron "lembrança, memória". A originalidade do presente projeto é elencar um conjunto de elementos nos quais se articulam a construção e formação da identidade e memória no Judaísmo tendo como referencial as fontes judaicas, em particular, as produzidas em língua hebraica. Memória, Linguagem e discurso na narrativa, interpretando o caso específico da narrativa hebraica bíblica e a narrativa talmúdica: privilegiamos as fontes bíblica e talmúdica, pilares da fé judaica.

Nenhum comentário: